Presidente da Câmara criticou o agora ex-ministro da saúde Abraham Weintraub
Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados
Presidente da Câmara criticou o agora ex-ministro da saúde Abraham Weintraub

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, concedeu entrevista coletiva, na tarde desta quinta-feira (18) e falou, entre outras coisas, sobre a  saída de Abraham Weintraub do Ministério da Educação.

O parlamentar ironizou a possível ida de Weintraub ao Banco Mundial afirmando que ele fazia parte do grupo Votorantim, que 'quebrou' em 2009.

Quando perguntado sobre o que achava de Weintraub assumir o Banco Mundial, Maia disse: "Não sabem que ele trabalhou no Banco Votorantim, que quebrou em 2009, e ele era um dos economistas do banco", disse.

Veja o trecho na sequência:



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários