sara winter
Agência Pública / Imagem de arquivo
Sara Winter ao lado de militantes bolsonaristas do grupo "300 do Brasil"

O ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, afirmou em uma publicação no Twitter que a prisão da  bolsonarista Sara Winter e outros cinco membros do "300 do Brasil" é correta. As detenções aconteceram na manhã desta segunda-feira (15), autorizadas pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia também: 

"A liberdade de expressão protege opiniões, mas não ameaças e crimes. O debate público deve ser veemente, mas não criminoso" declarou Moro nas redes sociais. As prisões fazem parte do inquérito sobre a organização de atos antidemocráticos.

Os pedidos de prisão foram realizados pelo vice-procurador-geral da República, Humberto Jacques de Medeiros, e enviados ao gabinete de Alexandre de Moraes na sexta-feira (12). Os militares são investigados por associação criminosa, previsto no artigo 288 do Código Penal. 

    Veja Também

      Mostrar mais