Ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM)
Agência Brasil/Marcello Casal JR
Ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM)

Ex-ministro da Saúde, o médico Luiz Henrique Mandetta (DEM) afirmou que “a única coisa que sei é que foi um mês perdido, jogado na lata do lixo” sobre a saída do médico Nelson Teich do Ministério da Saúde.  

Leia também: Fechados com o capitão: O que afasta e o que aproxima Bolsonaro de seus ministros

A fala de Mandetta foi feita na tarde desta sexta-feira (15), ao jornal O Estado de S. Paulo , algumas horas depois de Teich ter deixado o cargo, apenas 28 dias depois de ter assumido o ministério. Em abril, Teich sucedeu Mandetta, que era ministro desde o início do governo Bolsonaro.

“Não dá para falar nada. Não sei quem vai ser o novo ministro . O momento é de oração. Gostaria de dizer para você que estou rezando um terço agora”, disse Mandetta.

Leia também: Bolsonaro manda jornalista "calar a boca" e nega agressão à imprensa em protesto

Na manhã desta sexta (15), Mandetta escreveu em seu Twitter "Oremos. Força SUS [Oremos. Força SUS. Ciência. Paciência. Fé!]. Ciência. Paciência. Fé!", logo após ser divulgado a saída de Teich.


    Veja Também

      Mostrar mais