Nesta quinta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) se irritou, durante rápida entrevista no Palácio da Alvorada, ao ser questionado sobre o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta. 

Leia também: Homem com Covid-19 infecta outros 533 colegas de trabalho

Bolsonaro
Reprodução/Globo
Bolsonaro

À situação, um jornalista questionou Bolsonaro e o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo — que estava ao lado do presidente — sobre as críticas de Mandetta à política externa do atual governo. Quando Ernesto se preparava para responder, o mandatário se antecipou: “Mandetta? Esquece o Mandetta. O Mandetta é carta fora do baralho.”

Leia também: Lockdown em São Paulo está sendo avaliado, diz comitê do Covid-19

Você viu?

Em entrevista ao Uol , o ex-ministro da Saúde afirmou: “A impressão que eu tenho é que, em um local cheio de pólvora, o Itamaraty entra fumando”.

Leia também: Covid-19: teste em restaurante mostra velocidade de propagação do vírus; assista

Bolsonaro também foi questionado a respeito da MP que editou e que dispõe sobre a responsabilização de agentes públicos por ação e omissão em atos relacionados com a pandemia do novo coronavírus (Sars-coV-2). Sobre isso, ele disse. "Vou ver isso quando chegar lá agora". 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários