Tamanho do texto

Maria Edna Virgílio do Carmo Oliveira chegou à unidade acompanhada da filha Michelle do Carmo, e do advogado Ângelo Máximo

Mãe do pastor morto arrow-options
Gilvan de Souza/O Dia
Maria Edna Virginio de Oliveira junto ao tumulo do filho, o pastor Anderson do Carmo

A mãe do pastor Anderson do Carmo, Maria Edna Virgílio do Carmo Oliveira, de 64 anos, já está na Delegacia de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNSGI). Acompanhada da filha, Michelle do Carmo, e do advogado Ângelo Máximo, ela chegou para prestar depoimento, marcado para as 11h desta quarta-feira (24), sobre o assassinato do filho, marido da deputada Flordelis .

Leia também: Sem defesa! Filho preso de Flordelis dispensa advogados contratados pela mãe

O marido da deputada federal e pastora Flordelis dos Santos de Souza (PSD) foi morto no dia 16 de junho, na casa da família, em Pendotiba, Niterói, Região Metropolitana do Rio. Os principais suspeitos de cometer o crime são Flavio dos Santos, enteado do pastor Anderson , e Lucas dos Santos, um dos 51 filhos adotivos do casal. Ambos estão presos.

Os advogados do Flavio , Flávio Crelier e Anderson Rollemberg, também estão na sede da DHNSGI para conversar com o indiciado. Na segunda-feira (22), havia sido divulgado que os advogados haviam abandonado o caso, no entanto, Crelier afirma que Flavio ainda é seu cliente.

Leia também: Advogada de um dos filhos de Flordelis se desliga do caso sobre morte de pastor