Tamanho do texto

Senador Chico Rodrigues (DEM-RR) diz que ex-ministro tinha trânsito no Congresso e boa relação com vários congressistas

Chico Rodrigues
Geraldo Magela/ Agência Senado
Senador Chico Rodrigues (DEM-RR) lamentou a demissão do ministro Santos Cruz


O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), um dos vice-líderes do governo, classificou a demissão do general Santos Cruz da Secretaria de Governo, nesta quinta-feira (13) como uma "lástima". Segundo ele, tratava-se de um dos ministros com maior trânsito no Congresso.

Leia também: General Ramos assume a Secretaria de Governo; conheça o novo ministro

"Se for verdade, acho que é uma lástima. No Senado,  Santos Cruz tinha um trânsito excelente. Era muito atencioso, solícito e franco, afirmou Rodrigues. 

O líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), minimizou a demissão e criticou a falta de articulação política do agora ex-ministro. 

Leia também: Santos Cruz é demitido da Secretaria de Governo; General Ramos assume a pasta

"Eu nunca tive contato com ele desde a posse. Era zero. Eu nunca soube que houvesse articulação política por parte dele. Acho que a saída dele foi pelo conjunto da obra. Se o papel era de articulação, eu sou líder do PSL no Senado e, nem comigo nem com os senadores do PSL, havia contato. Não sei qual era a atividade dele como articulação política ", definiu Olímpio.

Horas após a demissão de Santos Cruz , o governo anunciou general Ramos como substituto. O militar era Comandante Militar do Sudeste e, assim como seu antecessor, tem amizade pessoal com Jair Bolsonaro.