Tamanho do texto

Presidente publicou uma imagem ao lado do filho em seu perfil no Twitter

bolsonaro
Reprodução/Twitter
Presidente Jair Bolsonaro e seu filho Eduardo antes de casamento, no Rio de Janeiro




Bolsonaro publicou no Twitter uma foto junto com o filho Eduardo, que se casa, neste sábado (25), com a psicóloga Heloísa Wolf em uma casa de festas em Santa Teresa, região central do Rio de Janeiro. Na postagem, o presidente escreveu: "Que Deus proteja essa família que se forma nessa data. Aos 35 anos Eduardo entra no time dos homens sérios (kkkkk)."

Bolsonaro chegou acompanhado da mulher, Michelle, por volta das 16h ao local do casamento. O vereador Carlos Bolsonaro foi o primeiro a chegar. Há pouco tempo, o senador Flávio Bolsonaro entrou com a mulher, Fernanda.

A segurança nos arredores do bairro está reforçada com policiais militares a cada esquina. Há, ainda, presença de policiais do Exército no Cosme Velho, bairro vizinho.

Sob gritos

O local onde o casamento está sendo realizado fica colado ao Morro dos Prazeres. Desde que os convidados chegaram, moradores, de dentro de suas residências, começaram a gritar xingamentos contra o presidente.

Um homem gritou "cadê o Queiroz?" e uma mulher "fascista". Em seguida, policiais do Exército subiram a ladeira em direção aos moradores que protestavam. Outra moradora também gritou palavras de baixo calão ao ser barrada pela segurança.

Ela tentava descer a Rua Almirante Alexandrino, que dá acesso à casa de festas. Algumas pessoas colocaram músicas  de protesto contra a ditadura, como "Apesar de você",  de Chico Buarque, e "Pra não dizer que não falei das flores", de Geraldo Vandré . 

Presidente não falou com a imprensa ao deixar condomínio

Bolsonado havia deixado sua residência no condomínio Vivendas da Barra, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, por volta da 15h, acompanhado por cerca de dez carros, em direção ao aeroporto de Jacarepaguá para acompanhar o casamento do filho. O presidente não falou com a imprensa. 

Leia também: Idosos ficam quase 50 horas no telefone e pagam R$ 300 mil a bandidos

Na entrada do condomínio, localizado na Av. Lúcio Costa, cinco bolsonaristas aguardavam a passagem do presidente com celulares preparados. Bolsonaro, no entanto, não parou para falar com admiradores.

Bolsonaro casamento filho
Custódio Coimbra/Agência O Globo
Bolsonaro sai de casa para acompanhar casamento do filho, Eduardo Bolsonaro, que está marcado para às 17h

Bolsonaro seguiu de helicóptero até o aeroporto Santos Dumont, onde foi acompanhado por mais uma comitiva até Santa Teresa. A noiva exigiu que todos os convidados chegassem até às 16h30 para o casamento

Ao longo do breve percurso feito de carro até o aeroporto de Jacarepaguá, comboios do exército podiam ser vistos espalhados pelas Av. Lúcio Costa e Ayrton Senna. A partir das 10h, na frente da residência carioca de Bolsonaro , a movimentação de carros foi constante.

Leia também: Joice chama Veja de mentirosa e promete processo: "Revistinha lixo"

Na fila de automóveis que acompanharam o presidente até o aeroporto, encontravam-se ainda duas ambulâncias e uma van, além de quatro batedores da polícia rodoviária federal.