Tamanho do texto

Presidente publicou no Twitter um vídeo que atribui a uma repórter do jornal O Estado de S.Paulo a intenção de "arruinar Flávio Bolsonaro e o governo"

Jair Bolsonaro postou vídeo com informações falsas contra jornalista do jornal O Estado de S.Paulo
Isac Nóbrega/PR
Jair Bolsonaro postou vídeo com informações falsas contra jornalista do jornal O Estado de S.Paulo

O jornal francês Mediapart se solidarizou nesta segunda-feira com a repórter Constança Rezende, do jornal O Estado de S.Paulo , vítima de uma fake news compartilhada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com o jornal, as informações publicadas no "club de Mediapart", que serviram de base para o tweet do presidente, são falsas. “O artigo é de responsabilidade do autor e o blog é independente da redação do jornal”, explicou o Mediapart .

No domingo (11), o presidente publicou uma mensagem sobre a repórter, acompanhada por um vídeo, em que acusa a jornalista de ter falado que possui a "intenção de arruinar Flávio Bolsonaro e o governo". As aspas seriam em relação à cobertura jornalística a respeito das movimentações suspeitas da Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador e filho de Jair Bolsonaro .

O vídeo, no entanto, é uma edição e contém fake news , ou seja, conteúdo falso. A suposta declaração da repórter, que aparece entre aspas no título do vídeo, teria sido dada, segundo “denúncia” de um jornalista francês, em uma conversa gravada. Na gravação do diálogo, porém, a jornalista não fala em momento algum sobre tal “intenção”.

Leia também: Bolsonaro publica vídeo obsceno no Twitter e sugere que cena é comum no Carnaval

Em inglês, o vídeo é composto por frases truncadas e pausadas. O próprio jornal O Estado de S. Paulo garante que apenas trechos da conversa foram selecionados para o vídeo. Segundo a jornalista, a gravação parte de uma conversa que ela teve em 23 de janeiro com uma pessoa que se apresentou como Alex MacAllister, suposto estudante interessado em fazer um estudo comparativo entre Donald Trump e Bolsonaro.

Ontem, Bolsonaro insuflou seus seguidores contra a imprensa compartilhando o conteúdo falso. “Constança Rezende, do O Estado de S.Paulo diz querer arruinar a vida de Flávio Bolsonaro e buscar o Impeachment do Presidente Bolsonaro. Ela é filha de Chico Otavio, profissional do O Globo . Querem derrubar o Governo, com chantagens, desinformações e vazamentos”, escreveu ele no Twitter .

Ainda no vídeo, em determinado momento, a repórter avalia que “o caso [Queiroz] pode comprometer” e “está arruinando Bolsonaro”, mas não relaciona seu trabalho a nenhuma intenção nesse sentido.

Leia também: Governo Bolsonaro escala militar para coordenar redes sociais após polêmicas

Hoje, a hashtag #BolsonaroéFakeNews amanheceu no topo dos Trending Topics (TTs), os assuntos mais comentados do Twitter. Apesar disso, o presidente Jair Bolsonaro não fez hoje novos comentários sobre o assunto na rede social, limitando-se a publicar tweets a respeito do que chama de "ideologia de esquerda". Ainda ontem, ele publicou outro vídeo breve, em que criticava a imprensa, insinuando que deixar de ler notícias seria a saída contra a desinformação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas