Tamanho do texto

Ex-prefeito supera atual governador, Márcio França (PSB), que teve 48,25% dos votos válidos na votação deste domingo e renova dinastia tucana em SP

João Doria é eleito governador de São Paulo
Divulgação
João Doria é eleito governador de São Paulo

João Doria foi eleito governador de São Paulo. Ex-prefeito da capital paulista, o tucano obteve 10,6 milhões de votos (51,7% dos votos válidos) neste domingo (28) e conseguiu renovar por pelo menos mais quatro anos a dinastia do PSDB, que venceu todas as eleições para o governo paulista desde 1994.

Leia também: Romeu Zema, do Novo, é eleito governador de Minas Gerais com 71,5% dos votos

João Doria foi eleito governador ao superar no segundo turno o atual ocupante do Palácio dos Bandeirantes, Márcio França (PSB), que obteve 48,2% da preferência do eleitorado paulista. Brancos e nulos somaram 17,7% na votação deste segundo turno.

Mais de 25,1 milhões de paulistas participaram da votação em todo o estado neste domingo, número que equivale a 76% das mais de 33 milhões de pessoas que fazem de São Paulo o maior colégio eleitoral do País.

Na votação do primeiro turno, no dia 7 deste mês, Doria já havia sido o candidato mais votado dentre os então 12 postulantes ao governo, com 31,7% dos votos válidos (6,4 milhões no total). França chegou ao segundo turno com 21,5% dos votos (4,3 milhões).

Leia também: Witzel supera Paes e é eleito governador do Rio de Janeiro com 59,6% dos votos

Aos 60 anos de idade, Doria é paulistano e chega ao Governo do Estado de São Paulo após passar 15 meses na prefeitura da capital, para a qual foi eleito em primeiro turno em 2016. O novo governador é empresário, jornalista e publicitário, e se tornou nacionalmente conhecido como entrevistador de talk-shows, palestrante e organizador de eventos empresariais.

Os desafios de João Doria, eleito governador de São Paulo

O novo governador eleito, João Doria, vai ocupar o Palácio dos Bandeirantes, sede oficial do poder executivo estadual de São Paulo, pelos próximos quatro anos
Divulgação
O novo governador eleito, João Doria, vai ocupar o Palácio dos Bandeirantes, sede oficial do poder executivo estadual de São Paulo, pelos próximos quatro anos

Estado mais populoso do País, São Paulo tem 45,5 milhões de habitantes, conforme estimativa do IBGE. O próximo governante paulista terá como um de seus principais desafios elevar a qualidade da rede estadual de ensino, cujos resultados apresentaram piora entre 2015 e 2017, conforme estudo divulgado no fim do mês passado pelo Ministério da Educação.

Levar adiante obras de mobilidade urbana também figura entre os assuntos prioritários para o próximo governador. Projetos como a expansão da Linha 2-Verde do Metrô e a criação da Linha 18-Bronze do monotrilho ainda não saíram do papel, enquanto obras como a da Linha 18-Ouro do monotrilho estão em andamento, mas atrasadas e sem previsão de conclusão.

Leia também: Comandante Moisés (PSL) é eleito governador de Santa Catarina com 71% dos votos

João Doria, eleito governador de São Paulo , tomará posse no Palácio dos Bandeirantes no dia 5 de janeiro. Seu mandato vai até o dia 31 de dezembro de 2021.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.