Tamanho do texto

Petista dá aula de Ciência Política na USP; candidato do PSL, que é formado em Educação Física, também se posicionou como um profissional da área

Dia do Professor: Haddad é professor universitário na USP e Bolsonaro se apresenta como professor de Educação Física
iG Arte
Dia do Professor: Haddad é professor universitário na USP e Bolsonaro se apresenta como professor de Educação Física

Nesta segunda-feira (15), em pleno Dia do Professor, os dois candidatos presidenciáveis, que disputarão o segundo turno das eleições 2018 no Brasil, fizeram homenagens a essa profissão nas redes sociais. Em seus recados, tanto o candidato do PSL, Jair Bolsonaro, quanto o do PT, Fernando Haddad, se posicionaram como pessoas que adotaram a carreira docente em suas vidas. 

Leia também: Haddad cumpre agenda em SP; Bolsonaro espera por avaliação médica

Bolsonaro afirmou que pretende valorizar a categoria e resgatar o respeito em sala de aula. Ele lembrou aos seguidores que é formado em Educação Física, e disse que, nesse Dia do Professor estava falando como docente da área.

“A inversão de valores dificulta a autoridade do professor em sala de aula. São muitos os relatos e registros de agressão, desrespeito e humilhação. Resgatar a referência que sempre representaram é também uma forma de valorizá-los”, disse o candidato no Twitter. "Também como professor de Educação Física que sou, digo-lhes que estamos juntos na construção do Brasil que merecemos!", exclamou Jair Bolsonaro .

Leia também: Bolsonaro tem 59% dos votos no 2° turno; Haddad, 41%, diz pesquisa BTG/FSB

Por sua vez, o candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad , e a mulher dele, Ana Stela, ambos professores universitários, destacaram hoje o orgulho da profissão. Segundo a mensagem enviada por eles, uma das maiores satisfações desses profissionais foi a fixação do piso nacional do magistério. O vídeo com a mensagem dos dois também foi postado no Twitter.

“Quando você entra em uma sala de aula, você não pergunta se o aluno é corintiano ou torce pro Bahia, se ele é judeu ou muçulmano, se é preto ou branco. Você apenas se doa. Se doa para que as pessoas aprendam e se desenvolvam. Essa é a missão de vida de um professor", afirmou o candidato ao lado da mulher.

Leia também: Dia dos professores: profissão é sonho de apenas 3,3% dos estudantes brasileiros

Em sua mensagem sobre o Dia do Professor , Haddad ainda lembrou que a data de 15 de outubro foi escolhida para homenagear a profissão por conta de um resgate histórico, quando em 1827, a educação se tornou obrigatória nas vilas e cidades brasileiras e os professores passaram a ter salário para lecionar.

* Com informações da Agência Brasil.