Tamanho do texto

Ciro Gomes, Guilherme Boulos, João Amoêdo, além de outros candidatos à Presidência lamentam ato violento contra o presidenciável; Bolsonaro foi ferido em Juiz de Fora (MG) durante evento na tarde desta quinta-feira (06)

Candidatos lamentam ataque contra Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (06)
Reprodução/Twitter
Candidatos lamentam ataque contra Jair Bolsonaro nesta quinta-feira (06)

Candidatos à Presidência da República comentam o  ataque a faca contra Jair Bolsonaro (PSL) na tarde desta quinta-feira (06). Pelas redes sociais, presidenciáveis lamentam o ato de violência. 

Pelas redes sociais, os candidatos repudiam o ataque contra Bolsonaro , pedindo para que o responsável seja punido. Marina Silva, Ciro Gomes, Geraldo Alckmin, João Amoêdo, Guilherme Boulos, Fernando Haddad, Alvaro Dias, Henrique Meirelles entre outros políticos comentaram o incidente. 























Outros candidatos e autoridades comentam ataque contra Bolsonaro

Candidato à Presidência, Jair Bolsonaro é visto sendo carregado após sofrer agressão durante campanha em Juiz de Fora
Reprodução/Twitter
Candidato à Presidência, Jair Bolsonaro é visto sendo carregado após sofrer agressão durante campanha em Juiz de Fora

Além dos presidenciáveis , outros políticos comentaram o incidente. Entre eles, Manuela D'Ávila, Kátia Abreu e Dilma Rousseff. 

Pelo perfil de Luiz Inácio Lula da Silva, também é possível encontrar comentários da candidata ao Senado por Minas Gerais, Dilma Rousseff, e da presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann.


O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso também se manifestou. 

A Ordem dos Advogados do Brasil também emitiu nota sobre o ocorrido hoje. O presidente nacional da OAB, Claudio Lamachia, escreveu que "a democracia não comporta esse tipo de situação. A realização das eleições em ambiente saudável depende da serenidade das instituições e militantes políticos. O processo eleitoral não pode ser usado para enfraquecer a democracia".

Leia também: Moraes pede vista e adia julgamento que pode tornar Bolsonaro réu por racismo

"Neste momento, cabe a reflexão a respeito do momento marcado por extremismos, por discursos de ódio e apologia à violência . Tudo isso apenas estimula mais violência, numa situação que prejudica a todos", defende Lamachia.

Leia também: PT processa Bolsonaro por ameaça após deputado falar em "fuzilar a petralhada"

O candidato Jair Bolsonaro foi ferido durante evento na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais, na tarde desta quinta-feira e foi encaminhado à Santa Casa de Misericórdia. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.