Tamanho do texto

Cantora esteve em Brasília nessa segunda (20) para participar do seminário Elas por Elas, no Conselho Nacional de Justiça, junto de autoridades

Alcione canta com Cármen Lúcia e Raquel Dodge
Reprodução
Alcione canta com Cármen Lúcia e Raquel Dodge

"Não deixe o samba morrer, não deixe o samba acabar. O morro foi feito de samba. De samba pra gente sambar". Foi com esse clássico da música brasileira que a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, encerrou o dia ao lado da cantora Alcione, depois de evento no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Leia também: Rosa Weber critica baixa representação feminina na política

Alcione  esteve em Brasília durante essa segunda-feira (20) para participar do seminário Elas por Elas, no CNJ. O tema discutido no encontro foi o papel da Mulher no Poder Estatal e na Sociedade, com participação especial da ministra do STF. 

Leia também: Pesquisa Ibope: Doria (PSDB) lidera em São Paulo, Skaf (MDB) vem em 2º lugar 

A publicação no Instagram da cantora já foi visualizada por mais de 80 mil usuários da rede social até o início da tarde de hoje (21). No vídeo, a cantora anima: "Vai, Cármen Lúcia!", e ainda brinca com a desenvoltura da ministra: "Tô desempregada", disse rindo.

Também aparecem no vídeo, a advogada-geral da União, Grace Mendonça, a presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Laurita Vaz, e a procuradora-geral da República (PGR), Raquel Dodge.

Leia também: Pesquisa Ibope: Lula lidera intenções de voto e abre vantagem sobre Bolsonaro

"Não tem como medir o prazer de estar na companhia dessas mulheres incríveis! Obrigada, Ministra Cármen Lúcia", escreveu Alcione na rede social.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.