Imagens de uma câmera de segurança gravaram o momento
Reprodução
Imagens de uma câmera de segurança gravaram o momento

O adolescente suspeito de ter arremessado uma bomba que matou uma criança de quatro anos em Barretos (SP) foi apreendido, informou a SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

No sábado (25/12), uma menina de quatro anos morreu após uma bomba cair dentro do cômodo em que ela dormia  em uma casa no centro da cidade do interior paulista. Imagens de uma câmera de segurança gravaram o momento em que o adolescente de 14 anos joga o artefato em direção à casa da família.

Na sequência do vídeo, uma mulher sai da casa, tentando entender o que havia acontecido. A criança também aparece, no colo de um homem, já ferida. A menina foi levada pelo pai ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a SSP, o adolescente se apresentou na terça-feira (28/12) na Delegacia de Investigações Gerais de Jaú (SP) e foi apreendido. Ele permanece à disposição da Vara da Infância e Juventude, diz a secretaria.

Leia Também

O caso foi registrado como ato infracional de lesão corporal culposa e comunicação de óbito pelo plantão da Seccional de Barretos e é investigado pelo 1° DP (Distrito Policial) da cidade.

A pasta disse que, após a morte da menina, um grupo danificou uma casa, supondo que fosse a do suspeito de atirar o explosivo. Em seguida, ao descobrirem o imóvel correto, atearam fogo. Não havia ninguém no local. As duas ocorrências, registradas como dano ao patrimônio e incêndio, são investigadas pelo 3° DP de Barretos.

As informações são do UOL

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários