Estupro coletivo é investigado pela Polícia Civil do Ceará
Divulgação
Estupro coletivo é investigado pela Polícia Civil do Ceará

A Polícia Civil do  Ceará investiga um caso de  estupro coletivo cometido contra uma menina de 12 anos. A criança teria sido abusada por seis adolescentes durante uma festa na cidade de Sobral, em 11 de outubro.

Além de cometer o crime, os jovens também teriam gravado o estupro coletivo, de acordo com informações do Diário do Nordeste . Os abusos teriam ocorrido após a vítima ter sido amarrada e vendada pelo grupo de rapazes, segundo o jornal.

O conselheiro tutelar José Arteiro Ferreira disse ainda que a menina denunciou a participação de um adulto no crime. Segundo o Diário do Nordeste , esse homem já teria prestado depoimento e depois liberado, por não haver flagrante ou outras provas.

A menina foi submetida a um teste de gravidez em uma unidade de saúde da cidade. Questionada pela profissional de saúde, ela relatou os abusos e contou ter sofrido ameaças para não revelar nada aos familiares.

A vítima chegou a ficar uma semana internada, em observação, mas recebeu alta nesta segunda-feira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários