Lázaro Barbosa: o serial killer está sendo procurado pela polícia há duas semanas
Reprodução: ACidade ON
Lázaro Barbosa: o serial killer está sendo procurado pela polícia há duas semanas

Uma tia de Lázaro Barbosa , de 32 anos, o “serial killer do DF”, declarou nesta terça-feira (22) que o alvo da força-tarefa da Polícia que reúne mais de 500 agentes teria ligado para a mãe após cometer os assassinatos.

“Ele (Lázaro) disse para a mãe que não estava sozinho. E disse para as pessoas das quais entrou na casa depois, vendo pela televisão: ‘Está vendo? Ali não fui eu sozinho, não’”, diz a mulher, não identificada, em entrevista à TV Bandeirantes. “Ele falou que a mulher não estava com ele: ‘Não fui eu quem pegou a mulher, quem pegou foram os outros’. Mas não se referiu a quem”, completa.

A ‘mulher’ citada por Lázaro, é Cleonice Marques, que segundo a Polícia, foi sequestrada e encontrada morta pelo “maníaco” três dias após o marido e os dois filhos serem encontrados sem vida.

Esta terça (22) marca o 14º dia de buscas da força-tarefa contra Lázaro. A Polícia Civil de Goiás realiza perícia de um carro queimado encontrado nas proximidades de Cocalzinho, em Goiás, que pode ter sido usado por ele.

Uma das hipóteses dos investigadores é de que o “serial killer” esteja escondido em uma das grutas que existem na região da Gruta dos Ecos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários