violência policial pm
Reprodução / YouTube
Imagens flagraram violência policial após protestos por Guilherme da Silva Guedes, morto na zona sul de São Paulo

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram policiais militares agredindo moradores da zona sul de São Paulo. A região seria a do bairro de Vila Clara e as imagens teriam sido feitas na noite de segunda-feira (15).

Leia também:

Em um dos vídeos é possível ver PMs sendo violentos em abordagens a pessoas que estavam circulando no bairro durante o protesto contra a morte do adolescente Guilherme Silva Guedes, de 15 anos, encontrado morto após ser levado de casa por dois homens .

Por conta da violência policial, 14 militares foram afastados, suspeitos de agressões durante as abordagens. Esse é o terceiro caso de violência envolvendo PMs desde o final de semana.

Um dos vídeos mostra um homem parado em frente a um portão, com as mãos na cabeça e pernas abertas, como ocorre de costume durante as abordagens da polícia militar. As imagens mostram ele sendo agredido com um chute por um PM da Ronda com Motocicletas ( Rocam ). Em seguida, o policial faz um sinal para que o homem machucado saia do local.

Em outro registro, um jovem com o celular na mão direita é encostado em um carro. Dessa vez, três policiais da Rocam se aproximam e um dos oficiais, sem motivo aparente, da um soco no rosto do jovem. Na sequência, o morador do bairro tem o pescoço pressionado pelo policial e cai no chão. Ao ver a violência policial, pessoas do bairro começam a gritar pedindo para que as agressões parem.

O protesto pela vida de Guilherme Silva Guedes teve ao menos sete ônibus queimados, três depredados e um adolescente apreendido. Ninguém se feriu e os bombeiros estiveram no local para conter as chamas. 

    Veja Também

      Mostrar mais