Família foi encontrada morta na madrugada da última terça-feira (28)
Reprodução/Facebook
Família foi encontrada morta na madrugada da última terça-feira (28)

A Polícia Civil prendeu na manhã desta terça-feira (4) mais dois suspeitos de terem matado os pais e o irmão de Ana Flávia Gonçalves em São Bernardo do Campo , no ABC paulista. Os corpos do casal Romuyuki e Flaviana Gonçalves, de 43 e 40 anos, e do filho Juan Victor, 15, foram encontrados carbonizados dentro de um carro na madrugada da última terça-feira (28).

A prisão se deu depois que Juliano de Oliveira Ramos Júnior, também preso hoje, por volta das 9h, prestou depoimento e confessou a participação no crime, entregando os demais comparsas, Guilherme Ramos da Silva e Michael dos Anjos.

Leia também: Que fim levaram investigações sobre filhos suspeitos pela morte dos pais

Ramos Júnior, que é primo de Carina Ramos, também acusou ela e a namorada Ana Flávia Gonçalves de terem participado dos assassinatos.

De acordo com o depoimento do primo, o motivo das mortes foi o dinheiro que a família teria herdado do pai de Flaviana, cerca de R$ 80 mil. A quantia estaria guardada em um cofre dentro da residência da família.

Ele ainda afirmou à polícia que Carina e Ana Flávia facilitaram o acesso deles na casa e que ele e seus comparsas fingiram rendê-las. Segundo o relato de Ramos Júnior, Romoyuki e Juan foram torturados e amarrados porque não sabiam dizer a senha do cofre e, então, os criminosos esperaram Flaviana chegar.

Leia também: Suspeitas pela morte de família no ABC ficam em silêncio em depoimento à polícia

Quando conseguiram abrir o cofre, o dinheiro não estava no local e, por conta isso, o grupo decidiu matar a família. A ideia teria partido de Ana Flávia, que teria dito que se todos morressem ela ficaria com a herança e seguros de vida.

Romuyuki e Juan foram mortos asfixiados ainda dentro e colocados no porta-malas do carro. Já Flaviana chegou a ser colocada junto com os corpos dos dois no porta-malas e só foi morta depois, com pancadas na cabeça. Só depois o carro foi incendiado.

    Veja Também

      Mostrar mais