Daniel Jean foi incediado por ex-namorada e teve 60% do corpo queimado
Reprodução
Daniel Jean foi incediado por ex-namorada e teve 60% do corpo queimado

O Portal dos Procurados divulgou, nesta quinta-feira (23), um cartaz para ajudar a 23ª DP (Méier) com informações que levem à localização e prisão de Kátia Cristina de Almeida da Silva , de 20 anos. Segundo a polícia, ela é a principal suspeita de ter ateado fogo no corpo do seu ex-namorado, o motoboy Daniel Jean Rocha Claudino, também de 20 anos, que teve 55% do corpo queimado. Kátia já é considerada foragida da Justiça e há uma recompensa de R$ 1 mil por informações sobre seu paradeiro.  As informações são do jornal O Dia

Leia mais: "Ex-namorada não aceitava término", diz família de motoboy incendiado no Rio

Na manhã de quarta-feira, 15 de janeiro, Daniel estava consertando o cabo do acelerador de sua moto, perto de sua casa, quando a ex-namorada jogou gasolina em seu corpo, riscou um fósforo e ateou fogo no rapaz. O jovem está internado Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro, e seu estado de saúde grave.

O motivo do crime, segundo as investigações, é o término do relacionamento entre os dois, não aceito por Kátia. "A gente já tem certeza que foi ela que praticou o crime, mas não sabemos onde ela está escondida. Temos o mandado de prisão e estamos aguardando ela ser encontrada ou se entregar", destaca a delegada Márcia Beck.

Policiais da 23ª DP (Méier) já estiveram em dois endereços ligados à ex-namorada da vítima para prendê-la, mas não a encontraram.

Leia também: Premeditado? "Chegou com gasolina na mão", afirma tio de motoboy queimado por ex

Quem tiver qualquer informação a respeito da localização de Kátia Cristina, favor denunciar pelos seguintes canais: Whatsapp do Portal dos Procurados (21) 98849-6099; pelo facebook (inbox), endereço: https://www.facebook.com/procuradosrj/ , pela mesa de atendimento do Disque-Denúncia através do número (21) 0300 253-1177 ou pelo aplicativo para celular do Disque Denúncia.  Todas as informações sigilosas sobre o caso serão encaminhadas 23ª DP, que está encarregada caso e do inquérito criminal.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários