As denúncias anônimas têm se tornado, cada dia mais, fortes aliadas no combate ao crime. Hoje vamos falar de uma receita infalível contra os criminosos. Pegue a caneta e anote os ingredientes: ROTA e Canil da PM. Ah, e uma boa porção de ajuda do cidadão de bem. 

Leia também: ROTA prende traficante que usava aplicativo de carona para transportar drogas

ROTA e Canil da PM fizeram operação conjunta para averiguar denúncia de tráfico em São Paulo
Divulgação/Polícia Militar
ROTA e Canil da PM fizeram operação conjunta para averiguar denúncia de tráfico em São Paulo

De acordo com o Tenente Narlich, a operação conjunta entre a ROTA e Canil da PM  nasceu de um simples informação recebida pelas Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar. A denúncia falava sobre uma mulher que estaria usando a própria casa para venda e armazenagem de drogas, mas os Policiais não sabiam que iriam achar ainda mais entorpecentes e criminosos.

"Assim que recebemos a informação sobre essa mulher, nós montamos uma equipe para checar a informação. A equipe foi para a cidade de Poá. Assim que chegamos no local fizemos a abordagem dessa suspeita e fomos realizar as buscas na residência. Foi bem fácil de achar a droga, elas não estavam escondidas. Foram encontradas drogas a granel e dois tijolos de maconha, além de munição de calibre restrito, uma balança e anotações", revelou o Tenente.

Após encontrar o material ilícito, os PMs começaram a fazer uma breve entrevista com a suspeita. "A gente começou a perguntar a procedência da droga, por que ela armazenava, se fazia a venda e daí nessas perguntas ela acabou revelando que tinha mais coisa escondida em uma casa na cidade vizinha de Itaquaquecetuba", contou o Policial.

Você viu?

Leia também: ROTA prende líder do PCC transportando drogas horas após ter deixado a cadeia

Drogas apreendidas pela ROTA na primeira casa
Divulgação/ROTA
Drogas apreendidas pela ROTA na primeira casa


A equipe de ROTA foi informada pela criminosa que a droga estaria escondida, por isso acionou o Canil setorial da PM em Suzano para apoiar nas buscas. " Nesta segunda casa fomos recebidos por um casal que tentou alegar que não havia nada de errado. Mas colocamos o cão Judá para trabalhar. Não demorou muito e ele achou um tambor cheio de drogas enterrado no quintal da residência", conta o Tenente Narlich.

No total, foram apreendidos pela ROTA e Canil da PM aproximadamente 20 quilos de maconha nas duas casas. Diante dos fatos, os suspeitos que já tinha passagem por tráfico foram conduzidos para o Distrito Policial da região onde ficaram a disposição da Justiça.

Leia também: ROTA desestrutura o tráfico e apreende 2 toneladas de drogas

Assista ao vídeo que mostra o momento em que o Cão Judá acha o esconderijo do crime:


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários