Tamanho do texto

John Cartwright, de 65 anos, jogou gasolina no caminhão que carregava todos os seus objetos e ateou fogo em tudo; caso aconteceu no Reino Unido

O homem falido poderá ir para a prisão depois de decidir queimar todos os seus pertences e um caminhão
Reprodução/Shutterstock
O homem falido poderá ir para a prisão depois de decidir queimar todos os seus pertences e um caminhão


O que você faria se fosse à falência e tivesse seus bens bloqueados pela justiça? Algumas pessoas fariam de tudo para não perder os objetos, enquanto outras tentariam esconder os pertences em lugares inimagináveis. Mas também existe outra ‘solução’ para o problema: queimar tudo e impedir que eles parem nas mãos de outras pessoas. Já imaginou? Pois foi isso o que um britânico falido decidiu fazer recentemente.

Leia também: Motorista se deita em avenida para se bronzear após ficar horas no trânsito

Segundo informações do portal Metro , John Cartwright, de 65 anos, estava falido e teve que abrir mão de todos os seus bens. Para retirar tudo da casa do homem, na região da Cornualha, a empresa Movecorp foi até o local com quatro funcionários, que começaram a colocar os objetos em um caminhão no que parecia ser apenas mais um dia de trabalho.

Até que Cartwright decidiu mudar os rumos da situação. Ele jogou gasolina em todo o veículo, que já estava carregado com grande parte de seus bens, e incendiou tudo. Enquanto as chamas consumiam os objetos, o homem fez uma escolha tão racional quanto a anterior: preparou um chá e aproveitou a bebida enquanto observava o fogo tomando conta do caminhão.

O veículo, avaliado em 35 mil libras (cerca de R$ 170 mil), ficou completamente destruído no incidente que abalou os funcionários responsáveis pelo trabalho . Agora, a empresa pretende processar o homem pelos danos causados, o que poderá ser a menor de suas preocupações se a justiça britânica decidir detê-lo de forma permanente.

Leia também: "Cansamos de ver peitões e pênis", escrevem vizinhos contra nudez de casal

Consequências da ação do britânico falido

Porque o caso foi parar na justiça, Cartwright pode ficar um bom tempo preso. “Isso é definitivamente um caso muito sério, um delito muito preocupante. Ele está no limite de enfrentar uma longa sentença de prisão ”, explicou o juiz Robert Linford, responsável por julgar o crime.

Leia também: Homem ganha R$ 900 mil após esquecer bilhete da loteria por mais de três meses

Por mais que o advogado de defesa  Chris Nicholls tenha tentado argumentar, o  falido  foi preso provisoriamente e será julgado na próxima sexta-feira (11).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.