Sob tensão, Moldávia ameaça “tomar medidas” e condena ataque russo
Reprodução/TSF - 26.4.2022
Sob tensão, Moldávia ameaça “tomar medidas” e condena ataque russo

Nesta terça-feira (26), a presidente da Moldávia, Maia Sandu, condenou o ataque russo na região separatista da Transnístria e afirmou que irá tomar medidas para garantir a paz no país.

“A situação na região separatista é complexa e tensa, mas a Moldávia continua aberta a negociar uma solução pacífica para as questões”, frisou em entrevista coletiva após encontro do conselho de segurança do país.

Em seu discurso, a presidente condenou quaisquer tentativas de “arruinar a paz” no país. Além disso, ela frisou que a Moldávia está preparada para evitar "a escalada da violência". O governo atribui o ataque ao exército russo que, por sua vez, nega a autoria.

“Incidentes recentes são uma tentativa de aumentar as tensões, com avaliações mostrando que facções pró-guerra na região da Transnístria são responsáveis ​​pelos ataques” , ressaltou.

Ataques na Transnístria

A Transnístria, região separatista pró-Rússia da Moldávia,  registrou uma série de explosões nesta segunda-feira (25).

A sede do Ministério da Segurança do Estado em Tiraspol, capital da Transnístria, foi o alvo das explosões. As motivações e os autores do ataque ainda são desconhecidos.

Leia Também

O Ministério do Interior de Transnístria afirma que os disparos foram feitos com um lançador de granadas antitanque portátil.

Na última semana, o vice-comandante do distrito militar central da Rússia, Rustam Minnekayev, disse que o governo russo pretende abrir “caminho” para a Transnístria.

“O controle sobre o sul da Ucrânia é outro caminho para a Transnístria, onde também há evidências de que a população de língua russa está sendo oprimida”, confirmou.

A Transnístria é um território da Moldávia controlado pela Rússia desde a queda da União Soviética. Com o apoio russo, a Transnístria travou uma guerra contra a Moldávia na década de 1990.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários