Mural contra guerra na Ucrânia no norte da Polônia
Reprodução/Ansa - 03.04.2022
Mural contra guerra na Ucrânia no norte da Polônia

A agência das Nações Unidas para Direitos Humanos disse nesta sexta-feira (22) que as ações da Rússia na Ucrânia podem equivaler a "crimes de guerra".

Segundo a comissária do órgão, Michelle Bachelet, já foi documentada em território ucraniano uma "história terrível de violações perpetradas contra civis". "Ao longo dessas oito semanas, o direito internacional humanitário não foi apenas ignorado, mas foi aparentemente deixado de lado", disse.

Já conhece o canal do Último Segundo no Telegram ? Entre e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. 

Já a porta-voz da agência de Direitos Humanos, Ravina Shamdasani, acrescentou que as Forças Armadas russas "bombardearam indiscriminadamente áreas povoadas, matando civis e destruindo hospitais, escolas e outras infraestruturas civis, ações que podem equivaler a crimes de guerra".

Apenas em Bucha, cidade dos arredores de Kiev libertada no fim de março, uma missão da ONU documentou a morte de pelo menos 50 civis, sendo que alguns teriam sido assassinados em "execuções sumárias".

Leia Também

"Quase todos os moradores de Bucha com quem falamos contaram sobre a morte de um parente, um vizinho ou até de um estranho.

Sabemos que muito ainda precisa ser feito para revelar o que aconteceu ali e sabemos também que Bucha não foi um incidente isolado", destacou Bachelet.
Após a retirada das tropas russas dos arredores de Kiev, as autoridades ucranianas denunciaram indícios de crimes de guerra contra a população civil em cidades como Borodyanka, Bucha e Irpin, onde foram encontrados corpos jogados nas ruas, cadáveres com sinais de tortura e valas comuns com dezenas de mortos.

Desde o início da invasão, em 24 de fevereiro, a ONU contabiliza pouco mais de 2,3 mil vítimas civis, mas reconhece que esse número deve estar subestimado. "Essa guerra sem sentido precisa acabar", afirmou Bachelet.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários