Padre fez dívidas em jogos de azar e obteve apoio de arquidiocese para saldar pendências
Reprodução
Padre fez dívidas em jogos de azar e obteve apoio de arquidiocese para saldar pendências

A Arquidiocese de Colônia, a maior representação da igreja católica na Alemanha, pagou cerca de € 1 milhão para quitar dívidas de um padre feitas em jogos de azar. A informação foi divulgada nesta semana pelo jornal alemão Kölner Stadt-Anzeiger.

Segundo a denúncia, a arquidiocese usou valores destinados para vítimas de abusos sexuais em igrejas para saldar a dívida do padre. O pagamento, de acordo com o jornal, foi de € 500 mil. Impostos e juros por atraso do pagamento acumularam mais € 650 mil.

A notícia revoltou a comunidade católica alemã e há quem pede a renúncia do arcebispo Ranier Maria Woelki do cargo. Representantes de pessoas que processam igrejas ainda questionam o alto valor pago para as dívidas, sendo que a indenização depositada para vítimas de abuso não passa dos € 20 mil.


Leia Também

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

Em comunicado, a arquidiocese afirmou que aprendeu com erros passados e não repetirá o caso.

Essa não é a primeira polêmica envolvendo Wolkei em Colônia. O arcebispo também é acusado de abafar casos de violência sexual em igrejas alemãs e chegou a colocar seu cargo à disposição do Papa Francisco. Entretanto, o Vaticano não se pronunciou sobre as acusações.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários