Grupo anunciou guerra cibernética contra a Rússia após país invadir o território ucraniano
Reprodução
Grupo anunciou guerra cibernética contra a Rússia após país invadir o território ucraniano

O grupo hacker Anonymous disse ter invadido canais de TV russos e no lugar da programação normal, exibiram vídeos da Ucrânia e mensagens contra o conflito, que já dura 12 dias .

O coletivo afirmou ter ocupado os canais Russia 24, Channel 1 e Moscow 24, além dos serviços de streaming Wink e Ivi .

"O coletivo de hacker Anonymous hoje invadiu os serviços de streaming russos Wink e Ivi (como Netflix) e canais de TV ao vivo ‘Russia 24’, ‘Channel 1’ e ‘Moscow 24’ para transmitir imagens de guerra da Ucrânia", diz um publicação nas redes sociais, feita na noite desse domingo (6).


No final do vídeo, uma mensagem dizendo que os "russos comuns são contra a guerra" foi exibida, pedindo que eles se opusessem aos ataques na Ucrânia, segundo o jornal  The Independent .





Leia Também


Guerra cibernética

No último dia 24, o Anonymous declarou guerra cibernética contra a Rússia . O grupo assumiu responsabilidade por suposto ataque contra páginas do Kremlin e da emissora de televisão russa RT News.

O coletivo usou as redes sociais para anunciar a guerra cibernética contra a Rússia, e o ataque a emissora.

Os ataques contra o país começaram após o presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciar uma "operação militar especial" na Ucrânia , invadindo o país de maneira terrestre, marítima e aérea.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários