Após invasão da Ucrânia, Rússia é expulsa do Conselho da Europa
Foto: ANSA
Após invasão da Ucrânia, Rússia é expulsa do Conselho da Europa

O ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio, informou que a  Rússia foi expulsa do Conselho da Europa (CoE) nesta sexta-feira (25).

"O comitê dos ministros do Conselho da Europa, da qual a Itália tem a presidência, tomou a decisão de expulsar a Federação Russa, em linha com o artigo 8 do Estatuto. A Itália acredita que essa é uma medida necessária à luz da inaceitável agressão militar russa contra a Ucrânia, que constitui uma grave violação do direito internacional", informou Di Maio.

A medida, porém, não afeta o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos, que continuará a atender e a ajudar cidadãos russos que façam denúncias sobre possíveis violações.

O Conselho da Europa é a mais antiga instituição do continente, tendo sido fundado em 1949, com o objetivo de defender os direitos humanos.

Atualmente, são 47 países-membros, incluindo os 27 da União Europeia, e seis nações observadoras (Canadá, Estados Unidos, Israel, Japão, México e Santa Sé). A Rússia fazia parte do grupo desde 1996.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários