Nobel da Paz russo diz que ataque à Ucrânia é 'uma vergonha'
Reprodução
Nobel da Paz russo diz que ataque à Ucrânia é 'uma vergonha'

O jornalista russo Dmitry Muratov, Prêmio Nobel da Paz de 2021, afirmou que o  ataque da Rússia contra a Ucrânia é "uma vergonha" para os cidadãos do país.

O cofundador do jornal Novaya Gazeta, um dos poucos que publica notícias de oposição contra o presidente Vladimir Putin, fez um editorial falando sobre a ação militar iniciada na madrugada desta quinta-feira (24).

"Estamos em luto. O nosso país, por ordem do presidente Putin, iniciou uma guerra com a Ucrânia. E não há ninguém que possa parar essa guerra. Aqui, junto à dor, nós só sentimos vergonha", escreveu. "Nas suas mãos, o comandante-em-chefe gira o 'botão nuclear' como se fosse uma chave de um carro muito caro. O próximo passo será um ataque nuclear?", questiona o crítico de Putin.

Muratov ainda informou que a próxima edição impressa do jornal será publicada nos idiomas russo e ucraniano de maneira excepcional.

O jornalista russo recebeu o prêmio ao lado da repórter filipina Maria Ressa por ambos serem representantes da imprensa livre em países com governo autoritários e que cerceiam a liberdade da mídia, controlando a maior parte das agências de notícias, jornais, sites e emissoras de TV. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários