Barco de pesca Villa de Pitanxo afundou no Canadá
Reprodução/Grupo Nores
Barco de pesca Villa de Pitanxo afundou no Canadá









Leia Também

Nesta terça-feira (15), um barco de pesca espanhol afundou em Newfoundland, no Canadá, matando ao menos 13 pessoas. Três tripulantes foram resgatados e outros 8 seguem desaparecidos.

A embarcação teria afundado por volta das 6h no horário de Madri (2h em Brasília) e a tripulação contava com 12 espanhóis, oito peruanos e duas pessoas de Gana.

Segundo a representante regional do governo espanhol na província de Pontevedra, na Galícia, Maica Larrib, o barco era chamado de Villa de Pitanxo e operava na cidade de Marín.

Outro barco de pesca espanhol passava pela região, notou o acidente e encontrou três sobreviventes e quatro corpos em um dos quatro botes salva-vidas da embarcação. Dois outros botes estavam vazios e o quarto estava desaparecido.

"Os três sobreviventes estavam em estado hipotermia porque a temperatura da água naquele momento era terrível, muito baixa", disse Larrib em entrevista a uma rádio espanhola.

O Centro Nacional de Coordenação de Resgate Marítimo em Madri recebeu o alerta e coordena a operação em um polo de resgate canadense, investigando as causas do ocorrido.


"O Governo está acompanhando com preocupação a operação de busca e salvamento da tripulação. Estamos em contato permanente com as equipes de resgate. Posso confirmar que três tripulantes foram resgatados, mas não posso acrescentar nenhuma outra informação, e peço que tomem um cuidado especial pois seus parentes também estão acompanhando de perto a ocorrência", disse a ministra de Política Territorial e porta-voz do governo, Isabel Rodríguez, durante entrevista coletiva.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários