Nuvens Cinzas impedem voos em La Palma
Reprodução: Redes Sociais
Nuvens Cinzas impedem voos em La Palma

Com a intensificação das erupções do vulcão Cumbre Vieja em La Palma , que começou no domingo (19) , as autoridades aeroportuárias espanholas informaram que os voos foram suspensos nas Ilhas Canárias. As informações são da Radio Televisión Canaria.

“As companhias aéreas suspenderam os seus voos de/para La Palma”, anunciou a AENA (Aeroportos Espanhóis e Navegação Aérea) em seu site, referindo-se a sete voos domésticos.

Devido a uma gigantesca nuvem de cinzas no céu da ilha, as companhias aéreas regionais Binter e Canaryfly e nacional Iberia, decidiram suspender os voos. 

Nuvem de cinzas em La Palma
Reprodução: Redes Sociais
Nuvem de cinzas em La Palma

“Neste momento não é possível fazer uma previsão de quando os voos poderão ser retomados”, anunciou a Binter em suas redes sociais. 

Além disso, a diretora do Instituto Geográfico Nacional de Canárias revelou que se abriram duas novas bocas do vulcão que libertam lava rapidamente. Por conta disso, foram decretadas novas evacuações em La Palma.

“Dado o risco acrescido para a população em razão do episódio eruptivo em curso”, as autoridades das Ilhas Canárias emitiram uma “ordem de evacuação obrigatória para Tajuya, Tacande de Abajo e a parte não evacuada de Tacande de Arriba”, bairros do município de El Paso.

O Instituto Vulcânico das Ilhas Canárias disse nesta sexta-feira que várias explosões violentas e uma nova fissura eruptiva foram observadas no vulcão.

Uma densa e maciça nuvem de cinzas e suas precipitações haviam levado as autoridades, algumas horas antes, a emitir uma ordem de confinamento para esses mesmos bairros de El Paso, porém, devido à gravidade, foi ordenado evacuação.

Nuvens cinzas saindo do vulcão Cumbre Vieja
Reprodução: Redes Sociais
Nuvens cinzas saindo do vulcão Cumbre Vieja

O presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez, esteve em La Palma e prometeu “garantir a manutenção e abastecimento na ilha do sistema de irrigação” em entrevista coletiva.

Na próxima terça-feira, segundo anunciou na coletiva, “o conselho de ministros vai aprovar que a ilha de La Palma seja classificada como zona de catástrofe”.

“A referida declaração será seguida da aprovação de uma série de medidas para conceder auxílios imediatos destinados a facilitar a moradia” aos vizinhos cujas casas foram destruídas.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários