Nas Filipinas, avião militar com 92 pessoas caiu e deixou mortos
Reprodução
Nas Filipinas, avião militar com 92 pessoas caiu e deixou mortos

Um avião militar caiu nas Filipinas neste domingo (4) com 96 pessoas a bordo. Segundo a agência Reuters , ao menos 52 morreram e dezenas estão feridos. A operação de busca por sobreviventes e corpos continua no local do impacto, na província de Sulu, no sul das Filipinas. O evento é considerado como o pior desastre aéreo militar das Filipinas em mais de 30 anos.

A aeronave C-130, que pertence à Força Aérea Filipina, sofreu um acidente ao pousar na ilha de Jolo, segundo informou a Força Aérea. A aeronave despencou depois de uma aterrissagem frustrada e, em chamas, se partiu. O piloto perdeu completamente o controle, e as circunstâncias técnicas ainda estão em processo de apuração.

A bordo do voo estavam muitos militares recém-formados no treinamento militar básico, que estavam sendo enviados para a ilha em uma força conjunta contra grupos armados na região, que é de maioria muçulmana. Entre as 52 vítimas fatais confirmadas, 49 eram militares e três civis, segundo as autoridades locais. Os demais seguem considerados desaparecidos, ou foram hospitalizados.

Segundo relatos à Secretaria de Defesa das Filipinas, pouco antes do desfecho trágico e do avião se partir em chamas, soldados saltaram da aeronave antes que ela atingisse o solo, nos arredores de Patikul.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários