Com mais policiais do que manifestantes%2C protesto pró-Trump fracassa nos EUA
John Edelson/AFP
Com mais policiais do que manifestantes, protesto pró-Trump fracassa nos EUA

Um protesto a favor de Donald Trump em frente a sede do Twitter, em San Francisco, nos Estados Unidos , na última segunda-feira (11), que tinha a expectativa de ser uma grande manifestação acabou sendo um encontro de pouquíssimas pessoas.

Um forte esquema de segurança foi montado para evitar conflitos que foram vistos na invasão ao Capitólio na última quarta-feira (7). Contudo, segundo jornalistas que estavam no local para cobrir o ato, havia mais policiais, cerca de 30, do que manifestantes na sede da rede social.

Kenneth Lundgreen, um manifestante contrário a Trump , apareceu no local com uma placa dizendo “Impeach! Remova hoje!”, e contrastou com uma solitária apoiadora do republicana.

Rebecca Brooks, a solitária trumpista segurava um cartaz escrito “ Fuck Jack Dorsey” (F…-se Jack Dorsey), em referência ao executivo-chefe do Twitter . Em entrevista, ele afirmou que sente que “vozes conservadoras estão sendo silenciadas”.


Confira a entrevista da apoiadora do presidente:



Diversas empresas de tecnologia baniram Donald Trump permanentemente ou temporariamente até o fim de seu mandato sob alegação de discursos que incitam violência e ódio.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários