Biden coçando o nariz
Jim Watson/AFP
Presidente eleito Joe Biden

O presidente eleito dos Estados Unidos , Joe Biden , escolheu o colombiano Juan Gonzalez como diretor sênior para o Ocidente no Conselho de Segurança Nacional, sendo o responsável por se ocupar de assuntos relacionados à América Latina. Porém, a escolha do democrata chamou a atenção, uma vez que Gonzalez já criticou o presidente  Jair Bolsonaro  (sem partido) publicamente. as informações são da Carta Capital .

Em 22 de outubro de 2020, Gonzalez compartilhou uma reportagem do jornal norte-americano HuffPost que trata das políticas ambientais de Bolsonaro e destacou a importância do assunto para uma boa relação com o presidente eleito.

"Qualquer pessoa, no Brasil ou em qualquer outro lugar, que pensa que pode promover um relacionamento ambicioso com os Estados Unidos enquanto ignora questões importantes como mudança climática, democracia e direitos humanos claramente não tem ouvido Joe Biden durante sua campanha", escreveu.

Segundo o jornal, Gonzalez veio do setor privado e já atuou por sete anos no Departamento de Estado dos Estados Unidos, entre 2004 e 2011. Nos dois últimos anos desse período, foi chefe de gabinete no Escritório de Assuntos do Hemisfério Ocidental. Entre 2011 e 2015, foi diretor do Conselho de Segurança Nacional para Assuntos do Ocidente. Além disso, também trabalhou como conselheiro especial de Biden, quando ele era vice-presidente de  Barack Obama .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários