Biden fazendo pronunciamento em púlpito
Reprodução/Twitter
Joe Biden passou a ganhar mais votos conforme os votos pelo correio eram apurados

O democrata Joe Biden fez um curto pronunciamento no começo da noite desta quinta-feira (5) e pediu que as pessoas tenham paciência durante a apuração dos votos nas eleições presidenciais dos Estados Unidos . O candidato afirmou que tem confiança de que será eleito após o fim da contagem.

"A senadora Harris [Kamala Harris, vice de Biden] e eu continuamos confiantes com o desenrolar da apuração. Não temos dúvidas de que no final da contagem, Harris e eu seremos declarados os vencedores", disse.

Nessa reta final da corrida à Casa Branca, o democrata lidera a contagem de votos entre os delegados eleitorais por 253 contra 214 do republicano Donald Trump. No vídeo, que também foi publicado no perfil dele no Twitter, Biden começa falando sobre a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2).

O candidato declarou ter interrompido o acompanhamento da votação para se informar sobre a situação do país em meio à pandemia. Segundo a Universidade Johns Hopkins, referência mundial na contabilização de mortes e casos confirmados de Covid-19, os Estados Unidos são o país com a maior quantidade de óbitos (234.300) e contaminações (9.544.315) pelo novo coronavírus.

"A democracia às vezes é confusa e às vezes demanda da nossa paciência. O processo ainda está em andamento, mas a contagem logo chegará ao fim e saberemos de tudo em breve", afirmou o democrata.

Assim como na declaração concedida na noite de desta quarta-feira (4), Biden reforçou que "só a população escolhe quem será o próximo presidente" e que "cada voto conta".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários