bandeira da itália
Pixabay
Itália volta a sofrer com aumento de casos de Covid-19


Itália registrou 1.616 novos casos e 10 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas, informou o Ministério da Saúde no boletim desta sexta-feira (11). É a sexta semana seguida que o país representa aumento de contaminações.



A quantidade de novas infecções continua em alta - eram 1.597 nesta quinta-feira -, mas os falecimentos ficaram estáveis. Na última quinzena, a incidência da Covid-19 na Itália fechou em 27,89 por 100 mil habitantes.

O índice nacional de transmissão (Rt) estava em 1,14 até o dia 2 de setembro.

Nenhuma região italiana ficou sem contabilizar contaminações pelo novo coronavírus (Sars-CoV2), sendo que a Lombardia teve a maior quantidade de casos (257), seguida pelo Vêneto (173) e Emilia-Romagna (152).

Com isso, a Itália tem 284.796 infectados na pandemia desde o mês de fevereiro. Já as 10 vítimas desta sexta fazem com que o total de óbitos seja de 35.597.

O boletim ainda ressalta que foram 547 pessoas consideradas curadas da doença, elevando o total para 212.432. Os casos ativos - que descontam os óbitos e as curas - nas últimas 24 horas somam 1.059, elevando para 36.767 o número de pessoas que ainda lutam conta a Covid-19.

Destes, 175 estão em unidades de terapia intensiva - em dado que está apresentando constante alta - e outros 1.849 estão internados com sintomas da doença em outros departamentos clínicos.

A maioria, 34.743, está cumprindo o isolamento obrigatório em casa.

    Veja Também

      Mostrar mais