Protesto rússia
Reprodução/Twitter
Manifestantes e jornalistas foram detidos.

A polícia da Rússia prendeu mais de 140 pessoas pela realização e um protesto no centro de Moscou. A ação da oposição aconteceu na última quarta-feira (15) e os manifestantes foram ao local para assinar uma petição para recurso contra a reforma constitucional que permitirá que Vladimir Putin permaneça no pode até 2036.

Ao todo, 142 pessoas, incluindo manifestantes e jornalistas que cobriam o protesto, foram presos pela polícia. Segundo um jornalista da agência de notícias AFP, cerca de mil pessoas estavam no local na hora da ação. De acordo com veículos locais, os manifestantes gritavam frases de efeito como “Rússia sem Putin” e “Rússia será livre”.

Segundo o governo russo, reforma que os manifestantes criticavam foi aprovada por quase 78% dos eleitores. A oposição, por sua vez, denuncia fraudes na contagem dos votos. Com ela, Putin seguirá no poder por mais dois mandatos, até 2036, quando terá 84 anos de idade.

    Veja Também

      Mostrar mais