irã
Tasnim News Agency/Vahid Ahmadi
Protesto contra os Estados Unidos é realizado no Irã

O Irã executou um homem condenado à morte por ter conduzido atividades de espionagem para a Agência Central de Inteligência ( CIA ) dos Estados Unidos. 

Segundo um porta-voz do poder Judiciário, Gholamhossein Esmaili, o iraniano Reza Asgari foi executado na semana passada e trabalhou na divisão aeroespacial do Ministério da Defesa até 2016.


De acordo com a acusação, Asgari vendeu à CIA informações sobre o programa de desenvolvimento de mísseis da república islâmica. "Ele foi identificado, julgado e condenado à morte ", disse o porta-voz.

Outro suposto espião na fila de execução é Mahmoud Mousavi Majd, acusado de passar informações aos EUA e a Israel sobre o general Qassem Soleimani, morto em um bombardeio americano no Iraque em janeiro de 2020.

A espionagem teria sido conduzida até 2018, quando Majd foi preso. Soleimani comandava a Força Quds, unidade especial do Exército dos Guardiães da Revolução Islâmica, e era o militar mais poderoso do Irã.  

    Veja Também

      Mostrar mais