Madeleine desapareceu em 2007 em Portugal
Reprodução
Madeleine desapareceu em 2007 em Portugal


Investigadores da polícia alemã afirmam ter "provas" de que a menina britânica Madeleine McCann, desaparecida em 2007 em Portugal, está morta. A declaração foi feita nesta quarta-feira (17) por um porta-voz da Procuradoria de Brunswick, na Alemanha.

Leia também:

"Estes são provas ou fatos concretos que temos, e não meras indicações", disse o porta-voz à agência AFP, acrescentando que não se tratavam de "provas forenses”, como o local onde esteja o corpo do desaparecimento da menina, por exemplo.

Na terça-feira (16), os promotores do caso chegaram a  enviar uma mensagem aos pais de Madeleine confirmando a sua morte . No entanto, eles alegaram que a divulgação precoce de detalhes pode impedir que o suspeito pelo crime vá a julgamento.

Suspeito nega participação

Por meio de seus advogados, Christian Bruckner, de 43 anos, disse que não ser o responsável pelo assassinato da menina britânica. Ele está preso na Alemanha por ter abusado sexualmente de uma norte-americana, de 72 anos, em 2005, no Algarve, onde viveu entre 1995 e 2007.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários