pombas no chão em uma das principais vias do centro de Barcelona, onde brasileiro matou morador de rua
undefined
Último crime aconteceu no centro de Barcelona

Um homem brasileiro de 35 anos que não teve a identidade divulgada foi preso nesta terça-feira (28) em Barcelona, na Espanha, suspeito da morte de ao menos três moradores de rua. As informações são da AFP .

Leia também: Polícia da Turquia matou jovem refugiado sírio que fugiu do isolamento social

Um porta-voz da polícia da Catalunha afirmou que "às 23h, recebemos um aviso de que havia uma pessoa morta com sinais de violência em uma rua do centro de Barcelona". A vítima foi golpeada na cabeça, de forma semelhante a outros dois crimes anteriores contra pessoas em situação de rua.

"A forma como esta pessoa atuava não deixava nenhum tipo de defesa para a vítima. A violência era desmedida e gratuita", afirmou em uma entrevista coletiva o intendente Joan Carles Granja, responsável pela investigação.

O brasileiro foi detido horas depois do último assassinato após descrições de testemunhas e imagens de câmeras de segurança apontarem para ele. O homem já havia sido preso anteriormente por roubo em Zaragoza, outra cidade espanhola.

Leia também: Violência contra a mulher deve aumentar 20% na quarentena

A motivação dos crimes não foi esclarecida. "É uma pessoa com um discurso um pouco incoerente, não descartamos que tenha alguma dificuldade mental", informou Granja sobre o brasileiro .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários