Jovem
Reprodução/Harris County Sheriffs Office
Caitlyn Smith, de 19 anos, foi acusada de lesão corporal grave a uma criança

Uma jovem de 19 anos foi presa pela polícia do Texas, nos EUA, na noite da última quarta-feira (26) após acertar um tiro no sobrinho ao tentar tirar uma "selfie" com uma arma carregada.

Leia também: Em vídeo impressionante, médicos retiram toalha inteira de dentro de cobra

Segundo informações da ABC News, Caitlyn Smith estava na casa de parentes trabalhando como babá do menino de apenas dez anos e fazia imagens ao vivo em redes sociais com a arma na mão e o dedo no gatilho. Ao tentar retirar o pente de balas, o acidente acabou acontecendo.

Em coletiva, o porta-voz da delegacia de polícia do condado de Harris, Thomas Gilliland, informou que o garoto foi encaminhado para um hospital da região e já está em condição estável. Além disso, revelou que Caitlyn foi acusada de lesão corporal grave contra uma criança.

" Armas não foram feitas para serem utilizadas em selfies ou qualquer tipo de gravação. A desatenção e a falta de cuidado dela poderiam ter causado uma tragédia ainda maior", afirmou Gilliland.

Leia também: Condenado a 73 anos, traficante "Macumba" some após ter direito a saidinha

Após a prisão, Smith aguardará na cadeia pelo julgamento do caso, que só deve acontecer quando houver uma definição do estado de saúde do menino atingido pelo disparo acidental.

    Veja Também

      Mostrar mais