Tamanho do texto

Mohammed bin Salman aparece no centro da foto oficial do evento; ao seu lado, está o anfitrião Shinzo Abe e, do outro, o grande aliado Donald Trump

foto oficial g20
Alan Santos/PR
Presidente da República, Jair Bolsonaro, é visto no canto da imagem durante foto de família dos Líderes do G20

Suspeito de envolvimento no assassinato de um jornalista dissidente, o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, também conhecido pela sigla "MbS", aparece com destaque na foto oficial da cúpula do G-20 em Osaka, no Japão.

Leia também: Militar da comitiva de Bolsonaro é preso com cocaína em avião da FAB na Espanha

O líder "de facto" do país árabe foi colocado pela organização do  G-20 no centro da imagem, entre o anfitrião Shinzo Abe, primeiro-ministro do Japão, e seu grande aliado Donald Trump, presidente dos Estados Unidos.

Há apenas uma semana, a relatora das Nações Unidas (ONU) sobre execuções extrajudiciais, Agnes Callamard, disse que existem provas confiáveis do envolvimento de MbS no homicídio do jornalista Jamal Khashoggi .

Leia também: Em reunião, Trump troca elogios com Bolsonaro, a quem chama de "homem especial"

O repórter dissidente foi morto em outubro passado, no consulado da Arábia Saudita em Istambul, Turquia, aonde fora para retirar documentos de divórcio. Há relatos de que ele foi torturado e esquartejado dentro da sede diplomática, e seu corpo até hoje não foi encontrado.

Riad já forneceu diversas versões sobre o caso. Inicialmente, negou o falecimento, mas depois admitiu o assassinato, afirmando que havia sido um acidente causado por uma "briga corporal". Por fim, o país confirmou que o homicídio foi premeditado, porém descartando envolvimento do príncipe herdeiro, que tenta emplacar uma imagem de reformista em um dos regimes mais opressivos do mundo.

Leia também: Após cancelamento de reunião, Bolsonaro tem encontro informal com Macron durante o G-20

Na apresentação de seu inquérito, Callamard pediu para os líderes do G-20 cobrarem da Arábia Saudita o reconhecimento de sua culpa no caso.