Fim das sanções dos EUA contra o Irã deve acontecer a partir de maio
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Fim das sanções dos EUA contra o Irã deve acontecer a partir de maio

O governo dos Estados Unidos (EUA) informou que vai pôr fim, em maio, à isenção das sanções sobre a importação de petróleo proveniente do Irã. A declaração do governo norte-americano foi feita na Casa Branca nessa segunda-feira (22).

Leia também: Ex-premiê português ataca Moro: "É um ativista político disfarçado de juiz"

Em novembro do ano passado, Washington havia proibido países de comprarem petróleo iraniano logo após a sua saída do acordo nuclear de 2015. Entretanto, os EUA concederam aos oito principais compradores - China, Índia, Japão, Coreia do Sul, Taiwan, Turquia, Itália e Grécia – isenções para as sanções por um período de 180 dias. Esse prazo termina em 2 de maio .

A medida pode trazer dificuldades para a importação de petróleo bruto proveniente do Irã. O secretário de Estado dos Estados Unidos Mike Pompeo , declarou que o objetivo é privar o Irã dos recursos provenientes do petróleo, que seriam utilizados para desestabilizar o Oriente Médio e encorajar o Irã a se comportar como um país normal.

Leia também: País asiático envia carta ao Parlamento Europeu defendendo morte de homossexuais

A redução da oferta de petróleo iraniano no mercado internacional pode levar a um aumento dos preços do barril . O governo dos EUA afirma que está trabalhando com a Arábia Saudita e os Emirados Árabes para garantir um fornecimento adequado no mercado de petróleo.

*Com informações da NHK (emissora pública de televisão do Japão)

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários