Tamanho do texto

Presidente foi às redes sociais e se solidarizou com as vítimas dos ataques

Bolsonaro
Alan Santos/PR
Bolsonaro comentou a onda de ataques terroristas no Sri Lanka

O presidente Jair Bolsonaro comentou a onda de ataques terroristas que já  mataram mais de 200 pessoas no Sri Lanka neste domingo (21). O brasileiro se solidarizou com as vítimas do terrorismo e condenou o "extremismo".

Leia também: Líderes mundiais falam sobre atentado que deixou mais de 100 mortos no Sri Lanka

"Mesmo neste dia sagrado, o extremismo deixa rastros de morte e dor. Em nome dos brasileiros, condeno os ataques que deixaram centenas de vítimas no Sri Lanka, inclusive em igrejas, onde se celebrava a Ressurreição de Cristo. Que Deus possa confortar os que agora sofrem", escreveu Bolsonaro .

Outros líderes mundiais como Donald Trump, Theresa May, Emmanuel Macron, Angela Merkel e Justin Trudeau também fizeram comunicados oficiais para lamentar os ataques terroristas .

Até agora, já foram contabilizados 207 mortos e mais de 400 feridos em oito explosões em diversas áreas do Sri Lanka . Três igrejas cristãs e três hoteis de luxo estão entre os alvos. Nenhum grupo reividicou o ataque até o momento. Sete pessoas já foram presas em conexão com os ataques.