Tamanho do texto

Projeto da prefeita Anne Hidalgo foi aprovado por representantes de direita e esquerda; ainda não foi definido qual local receberá o nome da vereadora

undefined
Renan Olaz/Câmara Municipal do Rio de Janeiro
Marielle Franco foi homenageada pela prefeita de Paris, Anne Hidalgo

O Conselho Municipal de Paris aprovou nesta segunda-feira (1) a proposta de dar o nome da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), assassinada em 14 de março de 2018, a um espaço público na cidade. O anúncio foi feito pela prefeita da capital francesa, Anne Hidalgo.

Leia também: Novo delegado assume delegacia responsável pela investigação do caso Marielle

O local que receberá o nome da vereadora assassinada Marielle Franco ainda não foi definido, mas poderá ser tanto uma rua, quanto uma praça ou passarela. O projeto foi aprovado por conselheiros – cargo semelhante ao de vereador – de direita e esquerda.

A prefeita parisiense Anne Hidalgo disse que a proposta foi apresentada por ela e comemorou a aprovação em seu perfil no Twitter.

“Foi votado! Os representantes parisienses eleitos aprovaram nesta manhã a proposta que eu e minha equipe lhes apresentamos: um lugar em Paris levará o nome de Marielle Franco, ativista dos direitos humanos, eleita pelo Rio de Janeiro, assassinada em março de 2018”, publicou.

Leia também: Juiz vê "sofisticação" em modus operandi dos assassinos de Marielle Franco

Marielle Franco e seu motorista Anderson Pedro Gomes foram assassinado no dia 14 de março de 2018, quando saíam de um evento no centro do Rio de Janeiro. Eles foram alvos de ataques a tiros. Dois suspeitos da execução – Ronnie Lessa e Élcio Queiroz – foram presos dias antes de o crime completar um ano. A polícia ainda não divulgou informações sobre mandantes do crime .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.