Tamanho do texto

Jogador foi preso acusado de praticar atos sexuais obscenos e libidinosos contra adolescente de 15 durante intervalo de partida online de videogame

Jogador  pratica violência sexual durante intervalo de jogo online
Divulgação/ Pasco County Sheriff's Office
Jogador pratica violência sexual durante intervalo de jogo online

Um gamer foi preso na Flórida, nos Estados Unidos, após seu oponente ouvir o jovem cometer estupro contra uma adolescente durante o intervalo de uma partida de PlayStation 4.

Leia também: Criminosos divulgam vídeo na internet de estupro coletivo de menino de 12 anos

O caso de violência sexual aconteceu no Condado de Pasco e, de acordo com o depoimento do denunciante, ele estava em uma partida de Grand Theft Auto (GTA) com o suspeito, identificado com Daniel Enrique Fabian, de 18 anos, quando o acusado interrompeu a partida e avisou que iria “esmagar” uma adolescente de 15 anos que estava em sua casa, em New Port Richey, no oeste da Flórida.

No entanto, Fabian deixou o microfone ligado e o outro jogador pôde ouvir a vítima gemendo e dizendo “não”. Após 15 minutos, o suspeito retomou a partida.

Leia também: Padre chileno é expulso por papa Francisco acusado de abuso sexual de crianças

"Eu não tinha ideia de que isso estava perto de nós. Sendo pai, eu apenas tento me colocar nessa mesma situação. É de partir o coração", comentou o vizinho de Fabian, Ed Holtzman, que disse só ter ficado sabendo do ocorrido nessa segunda-feira (26).

A jovem vítima do crime declarou aos investigadores que, enquanto estava sentada na cama de Fabian, o agressor colocou a mão em sua boca, empurrou a garota para baixo e a estuprou. De acordo com a imprensa americana, a versão da adolescente teria sido confirmada pela perícia e pelo Save (Exame de Vítima de Assalto Sexual), que realizou exames de DNA com um esfregaço retirado de sua coxa e que ligavam a vítima ao suspeito.

Ainda não foi confirmado se o outro jogador foi a pessoa que fez a denúncia, segundo informações da rede de televisão local WFLA . O crime teria ocorrido no dia 28 de junho, sendo Fabian detido e preso no Centro de Detenção Land O´Lakes na semana passada, sob a acusação de atos sexuais obscenos e libidinosos contra a vítima.

Leia também: Lei sueca que considera estupro todo ato sexual sem consentimento entra em vigor

De acordo com o News Channel 8 , esse não foi o primeiro crime cometido por Fabian. No dia 4 de junho, apenas semanas antes do caso mais recente, Fabian teria praticado violência sexual contra outra adolescente. "Ele foi preso em junho por outro caso envolvendo outra garota de 15 anos, onde ele supostamente a estuprou em sua casa também", afirmou Kevin Doll, porta-voz do escritório de Pasco Sheriff.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.