Naufrágio na Tanzânia ocorreu por superlotação em balsa; transporte tinha capacidade de transportar 100 pessoas
Reprodução/Twitter
Naufrágio na Tanzânia ocorreu por superlotação em balsa; transporte tinha capacidade de transportar 100 pessoas

O serviço de emergência informou que aproximadamente 136 pessoas morreram em um naufrágio na Tanzânia que aconteceu nesta quinta-feira (20). De acordo com a CNN , a Cruz Vermelha local retomou hoje as buscas do acidente envolvendo uma balsa superlotada que virou no Lago Vitória, havendo resgate de 40 sobreviventes no dia.

Leia também: Mais de 18 mil corpos são encontrados 24 anos após genocídio em Ruanda

O ministro dos Transportes, Isack Kamwele, disse que o naufrágio na Tanzânia se deu por conta do excesso de pessoas e mercadorias que estavam na balsa MV Nyerere, fazendo com que a embarcação afundasse perto da ilha Ukara, no Sul do maior lago da África.

As operações de resgate foram suspensas durante a noite de ontem e, na manhã desta sexta-feira (21), outras 40 pessoas foram resgatada – totalizando os 80 resgatados por enquanto.

De acordo com a mídia local, os passageiros pegaram a balsa na ilha de Bugorora em um dia dedicado para o transporte de mercadorias. Entretanto, a capacidade oficial do barco foi excedida já que, segundo as autoridades, a embarcação tinha o limite de 100 pessoas e estava transportando mais de 400.  

Você viu?

“O resgate tem sido difícil porque muitas pessoas estavam com bagagens. Temos que identificar a mercadoria para chegarmos aos corpos, o que torna tudo mais demorado. Sabemos que o número de vítimas pode aumentar, mas a estimativa é de que mais de 200 pessoas tenham se afogado”, afirmou Kamwele.  

Leia também: Mulher esfaqueia três recém-nascidos e dois adultos em creche em Nova York

Causa do naufrágio na Tanzânia e outros casos

Serviço de emergência disse que cerca de 136 pessoas morreram em um naufrágio na Tanzânia que aconteceu na quinta
Reprodução/Twitter
Serviço de emergência disse que cerca de 136 pessoas morreram em um naufrágio na Tanzânia que aconteceu na quinta

Imagens feitas por testemunhas mostraram equipes de resgate ajudando os sobreviventes a saírem da água com o uso de boias e recuperando os cadáveres que estavam submersos na ilha.

O presidente John Magufuli se pronunciou sobre o ocorrido, alegando que "o desastre é de profunda tristeza" e que, mesmo com "o momento difícil, os moradores devem se manter tranquilos". O governo foi acusado de negligência pela oposição, uma vez que acidentes como esse são frequentes na região.

Leia também: Quase 60 meninas são internadas após mutilação genital feminina em Burkina Faso

Em 2011, por exemplo, mais de 200 pessoas morreram depois que uma embarcação que transportava mais de mil passageiros afundou na ilha de Zanzibar, no Oceano Índico. As autoridades informaram no período que o barco tinha capacidade para transportar 600 pessoas e que o acidente foi causado por superlotação, assim como este naufrágio na Tanzânia . Em 2012, uma balsa também afundou no país, fazendo 145 vítimas fatais.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários