Barco com turistas da China, Rússia e Taiwan naufragou na ilha tailandesa de Phuket nesta quinta-feira
Reprodução
Barco com turistas da China, Rússia e Taiwan naufragou na ilha tailandesa de Phuket nesta quinta-feira

Pelo menos 49 pessoas estão desaparecidas depois de um barco com turistas naufragar próximo da ilha de Phuket, na Tailândia, segundo informou um oficial do Departamento de Prevenção de Desastres do país. 

Leia também: Tiroteio em escola nos EUA deixa dois funcionários feridos em estado grave

Ainda de acordo com o oficial, havia ao menos 90 pessoas na embarcação quando naufragou. "Metade foi resgatada e as operações de salvamento continuam", afirmou um porta-voz do governo à agência de notícias AFP tempos depois de o barco com turistas afundar.

Horas depois, agentes de resgate continuavam no local em busca dos desaparecidos. O governador Norraphat Plodthong disse que 48 passageiros foram resgatados do barco. 

O site Devdiscourse afirmou que a embarcação estava voltando de Koh Racha em direção à ilha de Phuket . Uma imagem divulgada nas redes sociais mostra oficiais trabalhando no píer, organizando as operações para o resgate. 

Você viu?

Leia também: Polícia britânica investiga possível envenenamento de casal por agente nervoso

Não foi confirmada as identidades dos passageiros, mas há informações de que seriam turistas vindos da Rússia, China e Taiwan.  

De acordo com o iTV , um segundo barco também teria afundado na mesma região nesta quinta-feira à tarde, contudo, as autoridades disseram que os 39 turistas chineses e europeus foram resgatados e retornaram à terra. 

Prevê-se tempo severo na área até a próxima terça-feira. Satélites meteorológicos mostram numerosas tempestades ao largo da costa de Phuket durante toda a noite de quinta-feira, produzindo ondas superiores a três metros em algumas áreas, de acordo com o Departamento Meteorológico da Tailândia. 

Barco com turistas é nova tragédia na Tailândia

A Tailândia tem recebido holofotes da mídia internacional nos últimos dias. Além do naufrágio do barco com turistas hoje, o país vive o drama do resgate do time de futebol de 12 meninos e o treinador em uma caverna profunda, incidente que gerou repercussão no mundo todo.   Os adolescentes devem permanecer dentro da caverna onde foram encontrados por algum tempo até serem, efetivamente, resgatados. Segundo informações divulgadas nesta terça-feira (3) pela Marinha, o resgate dos adolescentes deve levar alguns meses.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários