Tamanho do texto

Lorenzo Pianazza não hesitou em entrar no caminho da morte para salvar o menino que se jogou; ação rápida foi elogiada até pelas autoridades locais

Lorenzo Pianazza é dado como herói após salvar uma criança dos trilhos do metrô de Milão, nesta terça
Reprodução/Facebook
Lorenzo Pianazza é dado como herói após salvar uma criança dos trilhos do metrô de Milão, nesta terça

Um jovem de 18 anos arriscou a própria vida, nesta terça-feira (13), para salvar uma criança de dois anos e meio da morte. O caso aconteceu em uma estação de metrô, em Milão, e gerou comoção não só na Itália, mas em todo o mundo.

Leia também: "Menina de 11 anos não é uma criança", argumenta defesa de acusado de estupro

A criança , que não teve sua identidade revelada, estava ao lado da mãe aguardando a passagem do próximo trem na estação Reppublica, quando soltou a mão que lhe protegia, correu em direção aos trilhos e se jogou no caminho do trem.

Desesperada e sem reação, a mãe apontava e olhava para seu filho nos trilhos, quando o universitário Lorenzo Pianazza apareceu e, sem hesitar, tirou a própria mochila das costas e se jogou nos trilhos, para resgatar o menino. Ambos acabaram ilesos.

"Eu não sou um herói", garantiu Pianazza à imprensa italiana. "A mãe do menino gesticulou, eu calculei o tempo disponível, pensei que seria capaz de subir de volta e o fiz. Qualquer um faria", exclamou o italiano.

O resgate do garoto foi registrado pelas câmeras de segurança da estação; vídeo viralizou
Reprodução/Youtube
O resgate do garoto foi registrado pelas câmeras de segurança da estação; vídeo viralizou

O resgate do garoto foi registrado pelas câmeras de segurança da estação, e o vídeo que mostra a ação rápida de Lorenzo já viralizou na internet.

Leia também: Russa é suspeita de ter assassinado e desmembrado namorado durante jogo erótico

Dado como herói, o estudante deu uma rápida entrevista ao jornal La Reppublica , em que se mostra espantado com a repercussão da sua atitude.

Por ter se jogado nos trilhos sem medir os riscos que assumia para a própria vida, Pianazza retirou o garoto do caminho do trem e se tornou merecedor de elogios até das autoridades.

O prefeito de Milão, Beppe Sala, afirmou nas redes sociais que deseja se encontrar com o jovem para agradecê-lo pessoalmente pela coragem.

Coragem e uma 'ajudinha externa'

Apesar do vídeo arrepiante mostrar a ação de Lorenzo, ele não atuou sozinho para a salvação do menino que caiu nos trilhos.

Isso porque, no momento em que a criança saltou, a funcionária Claudia Flora Castellano, que trabalha na segurança do metrô de Milão, bloqueou imediatamente a passagem de trens pela via.

Ela viu tudo acontecer pelas telas de controle, que gravaram o vídeo agora viralizado. E, assim que o menino se jogou, ativou um sinal para bloquear o trem, que já estava chegando.

Leia também: Aeroporto de Londres reabre após bomba de 500 kg da Segunda Guerra ser removida

Apesar da ajuda, Lorenzo trabalhou rápido. Afinal, nesta linha, os trens passam com um intervalo de um minuto entre estações, e o resgate durou cerca de 23 segundos para acontecer. Tudo porque nem o jovem e nem as demais pessoas da plataforma faziam ideia de que os trens tivessem sido alertados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.