Onda de calor na Europa é o novo normal, diz ONU
Reprodução: pixabay
Onda de calor na Europa é o novo normal, diz ONU

Nessa terça-feira (19), o secretário-geral da Organização Meteorológica Mundial da ONU (Organização das Nações Unidas), Petteri Taalas, afirmou que as ondas de calor que atingem o continente europeu nos últimos dias serão “o novo normal”.

De acordo com o secretário, as altas temperaturas serão registradas com uma frequência maior em decorrência das mudanças climáticas dos últimos anos.

“No futuro, esse tipo de onda de calor será normal. Veremos extremos mais fortes. Bombeamos tanto dióxido de carbono na atmosfera que a tendência negativa continuará por décadas. Não conseguimos reduzir nossas emissões globalmente”, disse Taalas em pronunciamento. “Espero que este seja um alerta para os governos e que tenha impacto nos comportamentos de voto nos países democráticos".

De acordo com os últimos índices do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas), a Europa deverá ser mais impactada com as ondas de calor nos próximos anos. Além disso, as altas temperaturas deverão permanecer por mais tempo e serão mais intensas no século 21.

A diretora de Meio Ambiente e Saúde da OMS (Organização Mundial da Saúde), Maria Neira, afirmou que a saúde será desafiada com as altas temperaturas, principalmente com a falta de preparo dos grandes centros para lidar com as ondas de calor.

“Há muito tempo estamos alertando que as mudanças climáticas estão afetando severamente a saúde humana e, portanto, tomar medidas para atingir o carbono zero e acelerar a transição para fontes limpas e renováveis ​​de energia será extremamente importante”, disse.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários