Feder
Secretaria de Educação do Paraná
Feder utilizou as redes sociais para dizer que recusou o convite.

O secretário de Educação do Paraná, Renato Feder , utilizou suas redes sociais para dizer que recusou o convite do presidente Jair Bolsonaro para ser o novo ministro da Educação. O anúncio foi feito durante a tarde deste domingo (5).

Em uma publicação no Facebook, Feder confirma que foi convidado por Bolsonaro para assumir o comando do Ministério da Educação. Ele agradeceu ao presidente pelo convite, mas disse que irá seguir “com o projeto no Paraná”. Confira a postagem:

O nome de Feder era cotado para o MEC desde a saída de Abraham Weintraub da pasta. Entretanto, em um primeiro momento, ele foi preterido por Carlos Alberto Decotelli, que deixou o ministério seis dias após ser nomeado. Desde então, o nome do secretário era o mais cotado para a pasta.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários