Este foi o segundo teste que acabou em explosão da SpaceX
Reprodução
Este foi o segundo teste que acabou em explosão da SpaceX

Nesta terça-feira (2), a SpaceX , empresa do ramo espacial comandada pelo milionário Elon Musk, fez mais um voo teste com um protótipo de espaçonave. Entretanto, mais uma vez, o processo não teve um final feliz: assim como o ocorrido no lançamento anterior, em dezembro do ano passado, o foguete acabou explodindo ao tocar o solo.

Segundo informações da agência de notícias France Presse, o teste do foguete SN9 aconteceu em uma região de deserto chamada Boca Chica, no estado norte-americano do Texas, e teve autorização da Administração Federal de Aviação dos EUA. O protótipo é um estágio inicial do projeto da empresa para enviar astronautas para Marte em um futuro próximo.

Ainda de acordo com a publicação, o lançamento ocorreu por volta das 15h30 (horário local). A medida em que a altitude de 10km foi alcançada, os motores da SN9 foram desligados e ela realizou algumas manobras em pleno ar. Porém, o desastre aconteceu no retorno ao solo: ao tentar voltar para a posição vertical, a nave ganhou velocidade ao iniciar o processo de aterrissagem e acabou explodindo.

"Voltamos a ter um excelente voo. Temos apenas que trabalhar um pouco na aterrissagem", declarou um porta-voz da SpaceX , que transmitiu o evento ao vivo.

Você viu?

Investigação

Lançamento do SN9 ocorreu sem problemas, mas falha causou explosão no retorno ao solo
Reprodução
Lançamento do SN9 ocorreu sem problemas, mas falha causou explosão no retorno ao solo

Após o incidente, a  Administração Federal de Aviação confirmou que fará uma investigação para entender o que motivou a explosão do foguete. Segundo um porta-voz da agência, em entrevista à CNN, a prioridade é garantir a segurança da regulamentação do transporte de passageiros em espaçonaves comerciais.

"A agência vai acompanhar as investigações da falha ocorrida nesta terça-feira durante a aterrissagem do protótipo SN9 da SpaceX . Apesar de ser um voo sem tripulação, é preciso entender o que ocasionou a explosão do foguete e garantir que o desenvolvimento do programa seja mais seguro no futuro", disse.

De acordo com a reportagem, documentos da agência revelam que problemas são considerados "passíveis de investigação" em lançamentos de foguetes nos seguintes casos:

  • Acidente no lançamento ou na aterrissagem
  • Incidente no lançamento ou na aterrissagem
  • Acidente na base de lançamento
  • Falha em completar um lançamento ou aterrissagem como previsto
  • Evento ou série de eventos imprevistos que resultem em dano de 25 mil dólares ou mais
  • Fatalidade ou lesão grave em algum dos envolvidos

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários