Casa de Margarida Bonetti
Sofia Pilagallo - 04.07.2022
Casa de Margarida Bonetti

A Polícia Civil cumpre um mandado de busca e apreensão no imóvel Margarida Bonetti, conhecida como "a mulher da casa abandonada", tema de podcast da Folha de S. Paulo produzido por Chico Felitti. Segundo as autoridades, a senhora não autorizou a entrada e a polícia precisou quebrar a janela da casa.

A ação faz parte de inquérito aberto para investigar se ela sofre de distúrbio psiquiátrico e se foi vítima de abandono de incapaz.

Os investigadores do 4º Distrito Policial estão no local com peritos para apurar a constatação do crime, previsto no Código Penal brasileiro com base no Estatuto do Idoso. O inquérito leva em consideração condições de higiene, edificação e saneamento básico.

Margarida Bonetti nesta quarta-feira (20)
Reprodução/Band
Margarida Bonetti nesta quarta-feira (20)

Margarida está no local, mas não garantiu acesso ao imóvel. Ela disse aos policiais que poderiam tentar arrombar que não iriam conseguir, porque segundo ela, a 'casa é uma fortaleza'.

A Polícia Civil está com um aríete, um equipamento utilizado para arrombamento. Contudo, os policiais conseguiram quebrar a janela da frente da casa e fazer com que Margarida abrisse a porta para as autoridades.

Segundo o delegado Luís Carlos Zaparoli, o lugar é totalmente insalubre, "não tem lugar no chão pra colocar o pé, é completamente insalubre". Os policiais ainda resgataram um filhote vira-lata que estava dentro da residência e entregaram a Luísa Mell, ativista e conhecida por seu trabalho em defesa dos animais.

Luisa Mell entrou na casa a procura de mais animais para resgatar, quando Bonetti saiu da residência e arrancou o filhote que estava no colo da ativista. "Essa cachorra é minha. Eu gostava de você Luisa Mell, eu gostava", disse Margarida.

Margarida Bonetti arrancou filhote da mão de Luisa Mell
Reprodução
Margarida Bonetti arrancou filhote da mão de Luisa Mell

"Agora vamos distribuir a polícia por todos os cômodos e vamos aguardar o trabalho da polícia", declarou Zaparoli.

O delegado-geral Osvaldo Nico Gonçalves falou no programa Brasil Urgente  que acha que Margarida Bonetti é "vítima" e vive em condições insalubres.

A delegada Vanessa Guimarães afirmou que tudo indica que a casa realmente está insalubre. "Caso seja comprovado, ela será retirada da casa. A perícia tá sendo realizada agora".

Após a entrada da Polícia Civil e da perícia, assistentes sociais e especialistas da área da saúde entraram na residência para conversar e acalmar Margarida. Enquanto isso, do lado de fora, curiosos aglomeram em frente da 'casa abandonada'. 

Aglomeração em frente a casa de Margarida Bonetti
Foto: Sofia Pilagallo
Aglomeração em frente a casa de Margarida Bonetti


Margarida Bonetti retornou ao Brasil para morar na mansão de Higienópolis, bairro nobre da capital paulista, após ser acusada de ter mantido uma empregada em condições análogas à escravidão por 20 anos nos Estados Unidos.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

** Leticia Martins é estudante de jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. É estagiária de Último Segundo, com foco em Hard News. Tem experiência em assessoria de imprensa, é fascinada em política e causas sociais. Certificada em missões urbanas, trabalha como voluntária em ONG´s que auxiliam refugiados no Brasil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários